segunda-feira, 30 de março de 2015

Porque haldol não pode ser usado por paciente portador de parkinson ?

29/03/2015 - O Haloperidol é um antipsicótico que atua diminuindo o efeito do neurotransmissor dopamina no cérebro.

Na doença de Parkinson a causa do problema está relacionada justamente à pouca quantidade de dopamina em determinadas regiões do cérebro, principalmente relacionadas aos movimentos.

Assim, para uma pessoa que já tem doença de parkinson, o haloperidol pioraria muito o quadro do paciente, porque diminuiria mais ainda a dopamina nas regiões do cérebro responsáveis pelos movimentos.
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Nunca é recomendado!!!
A Clozapina ou então quetiapina.
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------
O haldol tem como efeitos colaterais o parkinsonismo secundário, pois é um antagonista da dopamina.

Administrando-se haldol a uma pessoa com parkinson estes efeitos ficam mais exacerbados.

Uma pessoa com esquizofrenia em que se usa haldol pode ter estes efeitos pois existe uma impregnação dos núcleos da base e isto causar os efeitos colaterais como o parkinsonismo secundário.

Fonte: Doctoralia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observamos que muitos comentários são postados e não exibidos. Certifique-se que seu comentário foi postado com a alteração da expressão "Nenhum comentário" no rodapé. Antes de reenviar faça um refresh. Se ainda não postado (alterado o n.o), use o quadro MENSAGENS da coluna da direita. Grato.